Categorias:

Dicas do Egito: Cairo e Luxor

Cairo / Egito / Luxor .

Confesso que já faz bastante tempo desde que viagei para o Egito. Ainda não tinha um blog e nem pensava em ter. Vou contar meus relatos um pouco mais superficiais sobre o que eu lembro dessa minha viagem, que foi uma das mais fantásticas que já fiz! Posso lembrar pouco das explicações detalhadas que o guia deu sobre os monumentos e dentro do museu, mas lembro bem das dicas preciosas, tanto do guia, quanto de pessoas que já tinham ido.

egito cairo dicas

Talvez as coisas no Egito tenham mudado um pouco desde a minha viagem. Assim que saí de lá (uma semana depois) estourou a ‘fase egípcia’ da primavera árabe, então não sei em que medida foram preservados alguns monumentos, como o Museu do Cairo, que sei que, na época, sofreu com alguns saques, infelizmente…

Bom, então vamos ‘começar pelo começo’. Chegamos em Cairo à noite e fomos direto para o nosso hotel, em Giza. Então já começo dando a minha primeira dica: Giza é longe de TUDO, só é perto das pirâmides. Não tem muitos restaurantes próximos e a única alternativa é comer no hotel. Não que você vá sair passeando por conta própria em Cairo at all, porque, saindo do hotel, você dá de cara com a realidade dos subúrbios de uma típica capital africana: miséria, fome e violência.

Sempre que um amigo vai ao Egito, a primeira coisa que falo para ele é: contrate já do Brasil um guia local! Todo esse cuidado é porque, desde que você pisa no país, os locais te assediam MUITO para fazer qualquer serviço em troca de uma gorjeta.

No aeroporto, quando você está carregando suas malas naquele carrinho no estacionamento já vem uma pessoa aleatória e fica meio que ‘encostando/empurrando o carrinho’ junto com você, e que reclama se não receber gorjeta. Esse comportamento pode ficar mais agressivo e ser perigoso se você não estiver com um guia local que saiba espantar essas pessoas.

Bom, voltando… A vista do nosso hotel, que era o Mercure Giza, era linda e dava de cara para as pirâmides. Se você não se importar em ficar longe de tudo, será ótimo.

Ainda nesta noite, fomos ver um ‘espetáculo de luz e som’ nas pirâmides, que acontece durante a noite. Quando você ouve isso, pensa que é suuuper legal ir nas pirâmides à noite, que vai ser uma experiência e tanto etc. Mas não se engane. Pelo menos na minha opinião, não vale à pena, pois o show é meio entediante (e, dependendo do horário, será em russo. Há aparelhinhos tradutores, mas isso só deixa o programa ainda mais ‘de índio’).

Agora sim, vamos começar a falar dos passeios interessantes e incríveis, né! Aqui vão os MUST GOs da capital egípcia:

1 – Pirâmides de Giza e esfinge

As pirâmides e a famosa esfinge ficam no mesmo ‘sítio’. É super impressionante ver o tamanho das pirâmides quando você olha de perto. Acho muito mais legal fazer a visita com o guia local, que explica como as pirâmides foram construídas de forma tão engenhosa pelos egípcios em uma época com tão pouca tecnologia!

esfinge cairo egito

 

Se você quiser entrar na pirâmide de Quéops, tenha certeza de que você não tenha problemas de coluna ou claustrofobia, porque quando você entra no túnel, ele vai diminuindo de altura e largura, até você ficar bem encolhido. Quando você está nos túneis, não dá para ‘virar e voltar’: você tem que seguir tudo até o final.

Principalmente nessa área turística, tenha muito cuidado com as bolsas e carteiras e também com as criancinhas que ficam se oferecendo para tirar foto. Já vi uma delas ficar agressiva e chamar os ‘amiguinhos’ depois de não ter recebido uma gorjeta muito boa para tirar umas fotos de uns gringos.

Outra dica super importante: há diversos beduínos oferecendo passeios de camelo até o lugar ‘x’, com valores combinados. Eu só subi no camelo para tirar foto e dar alguns passinhos, mas não fui a nenhum lugar. Muito cuidado com esses beduínos, pois já ouvi de duas pessoas que, uma vez que você chega no lugar ‘x’, eles te extorquem 100 dólares adicionais ao valor combinado para levar você de volta ao ponto de partida! Cuidado!

egito cairo camelo dicas

2 – Museu do Cairo

Como eu falei no início do post, não sei como está a situação do museu atualmente, depois dos saques da Primavera Árabe, mas, quando eu fui, fiquei suuuper maravilhada!!! Os tesouros de tutankamon e uma visita guiada com explicações sobre os diversos faraós (e uma faraona) e as estruturas dos sarcófagos etc etc. é imprescindível para você aproveitar sua visita ao máximo. A Sala das Múmias, onde não se pode levar nenhuma câmera e deve-se fazer silêncio total, é imperdível!!!

egito dicas cairo

3 – Vale dos Reis

Já em Luxor, este é um outro lugar sagrado para os egípcios, tanto que não se pode levar câmera (não passa no raio-x). É onde estão as tumbas de alguns dos principais faraós, como Tutankamon e Ramsés III e IV. As tumbas principais são incríveis por dentro, mas se você não for muito apreciador, escolha as principais ou seu dia pode ficar um pouco massante.

4 – Templo de Karnak em Luxor

Para mim, foi o mais grandioso de todos os monumentos que eu visitei lá no Egito – até do que as pirâmides! Fiquei super impressionada com o tamanho das colunas e das estátuas, mas o que me chocou mesmo foram as inscrições em alto relevo em algumas paredes do templo. Fomos no espetáculo noturno também em Karnak, mas desta vez amamos e foi uma coisa super bonita. Neste templo, recomendo o show de luzes e som!

egito dicas egito dicas luxor luxor egito dicas karkak

5 – Templo da faraona Hatshepsut ou Deir-el-Bahari

Foi o meu templo favorito! Além de ter sido um templo de uma faraona ‘guerreira-batalhadora’ kkkk, ela tem uma história muito triste, porque (dizem que) foi assassinada pelo seu enteado, que, depois da sua morte, mandou apagar todas as imagens dela dos templos! 🙁

Além disso, ele é o templo egípcio que tem as pinturas das paredes (sim, a tinta!) mais bem preservadas! (prometo que vou procurar as fotos da parte interna e dar update no post!

luxor egito dicas

 

6 – Memphis e Sakkara

No nosso último dia no Cairo, tivemos a opção de: ou ir conhecer o Khan el Khalili (mercado estilo Grand Bazaar) e a Mesquita de Alabastro ou as cidades e monumentos de Memphis e a pirâmide escalonada de Sakkara. Como não tínhamos muito tempo e tínhamos acabado de voltar de Dubai e Abu Dhabi, que tinham muitas mesquitas e mercados, escolhemos a última opção. Estes não são passeios must go e, depois de ver as grandes pirâmides, Sakkara pode ser um pouco decepcionante. Mas, se você tiver um tempinho vale a pena, porque é legal conhecer! Memphis, que já foi capital do Egito, tem o Colosso de Ramsés II, que achei super impressionante (e meio chocante também). Vale à pena!

egito dicas egito dicas

Em Luxor, recomendo o Sofitel, que é super bom, confortável, e tem várias opções de entretenimento nas horas livres (principalmente para quem está viajando com crianças entediadas com os templos) e uma vista incrível para o Nilo!

egito dicas sofitel nilo egito sofitel dicas egito dicas

Bom, gente, estas foram as minhas dicas! Espero que tenham gostado! Não reparem nas roupas, eu fui bem mulamba para essa viagem mesmo kkkkkk… Beijinhos

2 comentários em Dicas do Egito: Cairo e Luxor

  1. carolina ariere em agosto 22, 2014

    Comment

  2. carolina ariere em agosto 22, 2014

    muito legal sua viagem. Vc já foi pro Marrocos? Dá umas dicas de lá…