Categorias:

Turistando: 10 passeios imperdíveis em Moscou!

Moscou .

Dando continuidade à série de posts sobre a viagem à Rússia, hoje a cidade é outra: Moscou!

Passei por lá três dias e foi o suficiente para conhecer toda a magia e agitação da cidade! Antes de eu viajar, as pessoas sempre me diziam para ir a Moscou antes de São Petersburgo, porque São Petersburgo é muito melhor e eu ia ter uma quebra de expectativas etc etc. Mas já de antemão, digo que não é nada disso!

No final, AMEI igualmente as duas cidades, cada um com seu encanto diferente. São Petersburgo é aquela cidade mais imperial, do tempo dos czares e Moscou é mais urbana, mas preserva todas suas igrejas e monumentos grandiosos, tanto da época do comunismo quanto da sua época medieval (Kremlin).

Mas vamos ao que interessa, né! Acho super legal, se você tiver tempo sobrando, ‘se perder’ pela cidade e explorar todos os cantos suuper descolados dela. Mas, se você tiver um tempo mais curtinho, aí vão as atrações que você TEM QUE conhecer!

1 – Praça Vermelha

praça vermelha moscoupraça vermelha moscou

Quando todo turista chega em Moscou, o primeiro ponto a visitar é a Praça Vermelha. Comigo não foi diferente e esse ponto foi o primeiro que visitei! Infelizmente, quando eu fui, tinha um palco montado no meio da praça para comemorar o aniversário da cidade, o que atrapalhou a vista, mas nada que tirasse a grandiosidade do lugar!

Dê um passeio pela praça, visitando o shopping GUM (que é suuper chic e descolado e tem as grandes grifes), a igreja de Kazan e o Mausoléu do Lênin, que tem o corpo dele embalsamado – há controvérsias e dizem que o que está exposto tem menos de 30% do corpo dele de fato e o restante foi completado com cera!

kazan moscou

 

2 – Catedral de São Basílio

catedral moscou

Localizada no ‘final’ da Praça Vermelha, a Catedral de São Basílio também é imperdível! Recomendo uma visita guiada, porque lá dentro é um labirinto até para os mais experientes! Além disso, vale a explicação histórica do lugar.

catedral moscou sao basilio

Apesar de levar o nome de São Basílio, a Catedral tem 8 cúpulas, cada uma delas sendo uma capela dedicada a um santo diferente. Tem este nome porque a capela dedicada a São Basílio sempre foi a mais visitada, apesar de ser uma das menores cúpulas.

3 – Kremlin e Museu da Armada

moscou

Não poderiam deixar de fazer parte da minha listinha o Kremlin e o Museu da Armada (que fica dentro do Kremlin), né!!!

O Kremlin, assim como a maioria das cidades medievais fortificadas da Europa, é o núcleo onde foi iniciada a formação da cidade de Moscou e data do século XII. Hoje, ele abriga algumas das construções mais importantes da cidade, como o Palácio do Kremlin, Palácio dos Congressos, Catedral da Assunção, Cat. da Anunciação, arsenal, senado, entre outros.

kremlin moscou moscou kremlin

O Museu da Armaria e do Tesouro são paradas suuuper obrigatórias em Moscou! O museu da armada tem, dentre outras coisas, roupas usadas pelos imperadores, carruagens impressionantes, tronos dos imperadores, roupas da Catarina a Grande, ovos Fabergé etc. O do Tesouro tem jóias imperiais baphônicas!!!!

4 – Metrô de Moscou

Acho que vocês já sabem o quão impressionantes são as estações de metro de Moscou, né! Muitas delas são feitas de mármore, com vitrais e mosaicos que contam a história do comunismo. Por incrível que pareça. foram construídas nessa época do comunismo mesmo, para dar a ideia de que o povo também tem direito à cultura e à arte.

metro metro moscow moscow subway moscow

Visitamos 5 estações com a nossa guia, mas você pode ir parando à vontade porque toda estação tem sua história! Dentre as que visitamos, gostei mais da Komsomolskaya e Novoslobodskaya.

5 – Mosteiro da Trindade – São Sérgio 

Há umas 2h de Moscou está a cidadela que é uma ‘Meca’ para os ortodoxos, o Mosteiro da Trindade. Lotadíssimo de fiéis, que ficam na fila para beijar o túmulo de São Sérgio, fundador da Igreja Ortodoxa Russa e para encher suas garrafinhas na fonte de água benta, a cidade é uma parada obrigatória para quem está em Moscou. É linda, linda!

mosteiro trindade são sergio trindadesão sergio moscow

6 – Catedral do Cristo Salvador

Localizada ali pertinho do Kremlin está essa Catedral suuper suntuosa, que é do século XIX, mas que foi implodida na época do comunismo e, depois, reconstruída, portanto, tem seu interior e exterior bem recentes e preservados. No interior não se pode tirar fotos, mas acho que o exterior já dá uma ideia da grandeza do interior, né!

catedral cristo salvador

7 – Passeio noturno por Moscou

Acho que um dos passeios mais interessantes é ver a cidade à noite toda iluminada! Esse passeio dá para você uma perspectiva totalmente diferente da cidade e uma ideia do quão bem os monumentos são iluminados durante a noite!

noturno mosteiromoscow at night

É impressionante também ver o movimento de pessoas pelos parques e ruas à noite, que é bem grande. Os mesmos monumentos que você visitou durante o dia ganham um ar totalmente novo quando são iluminados. Você não pode deixar de fazer esse passeio. Não se preocupe, porque, apesar da imagem que temos da Rússia aqui, a cidade é super segura!

8 – Mosteiro/Convento de Novodevichy

É um dos lugares que achei mais bonitos em Moscou. Com várias cúpulas douradas e com aquele ar de convento europeu, fiquei super encantada! Por ali já passaram várias figuras históricas da nobreza russa, pois para lá era mandada a maioria das mulheres nobres que ficavam viúvas ou que não casavam.

mosteiro convento

A construção é do Século XVII e o lago que fica logo ao lado do Convento é dito ser o lago no qual Tchaikovsky se inspirou para compor o Lago dos Cisnes. Você TEM QUE IR!!!

9 – Galeria Tretyakov

Criada pelos irmãos Tretyakov, a Galeria abriga as principais obras da arte russa e também da arte religiosa ortodoxa, com obras super impressionantes e antigas que chegam a ser do século XI e vão até a atualidade.

ivan temível galeria tretyakov tretyakov

É um museu super completo e recomendo muuuito a visita guiada, para entender melhor as obras e a história do museu

10 – Museu do Panorama da Batalha de Borodino

Já aviso logo que este não é um ponto obrigatório na cidade, mas fica a dica para visitar se sobrar um tempinho. O museu é sobre a batalha de Borodino, na qual os russos ‘venceram’ os franceses.

rússia

O museu é super interativo, com multimídia para você entender melhor a história durante o período das Guerras Napoleônicas e de como os russos conseguiram a vitória. A surpresa fica no último andar, onde você tem um panorama 360º de como foi esta batalha em uma perspectiva também tridimensional e super detalhista. É bem legal se você é interessado no assunto!